Menu


VITÓRIA 87FM

RedeMob propõe interditar terminais de Goiânia e Região Metropolitana...

07 JUL 2020
07 de Julho de 2020
Medida tem como objetivo evitar a propagação do coronavírus entre os passageiros. Proposta explica que o fluxo nos terminais continua alto, mesmo com decreto de isolamento e escalonamento obrigatório,A RedeMob Consorcio apresentou, na manhã desta terça-feira (7/7), uma proposta às entidades competentes para interditar, temporariamente, todos os terminais de Goiânia e Região Metropolitana. A medida, de acordo com o levantamento apresentado, espera evitar a propagação do novo coronavírus entre os usuários do transporte coletivo.

Em reunião, a RedeMob defendeu que apesar da redução de passageiros em mais de 70% na Rede Metropolitana de Transportes Coletivos (RMTC), com a determinação dos decretos de isolamento social, a demanda nos horários de pico, das 6h30 às 7h30 e das 17h às 18h30, continua significativa.

Diante do fluxo, “nem o escalonamento de horários determinado pela Prefeitura de Goiânia surtiu o efeito necessário e desejado pelas autoridades. Nos horários de pico, especialmente nos terminais de integração que são os locais de conexão das linhas que compõem a RMTC, ainda permanecem com aglomeração.”

O consórcio explica que esse fenômeno [grande fluxo no transporte] “pode ser melhor compreendido em razão de que a maioria das pessoas que continuam a utilizar o transporte públicos neste horário são trabalhadores do mercado informal e trabalhadores domésticos, não sujeitos a regulamentação pública.”

Interdição dos terminas de Goiânia e Região Metropolitana; entenda funcionamento
De acordo com a proposta, os terminais seriam interditados enquanto durar as ações governamentais de intervenção social e combate ao coronavírus. Inicialmente, seriam interditados os terminais com menor demanda e em seguida os terminais com maior demanda.


 
A RedeMob defendeu que, gradativamente, os usuários vão sendo orientados, assimilam as mudanças e o novo modelo de operação do serviço. A interdição seria implantada de 11 a 23 de julho.

Foi proposta ainda a criação de linhas diretas dos bairros mais populosos (origem) para os locais com maior demanda (destino), o que encurtaria o tempo de viagem do usuário, “pois o tempo com a integração e trasbordo nos terminais será eliminado.”

A RedeMob propôs ainda: Concentrar a oferta de viagens nas linhas de eixo com maior demanda. Isto vai diminuir o tempo de espera nos pontos dos corredores de transporte e a quantidade de pessoas dentro dos ônibus; Transferir parte da oferta de viagens das linhas alimentadoras de bairros menos populosos para as linhas de Eixo.

A interdição dos terminais foi apresentada à Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) nesta segunda-feira (6/7), que deve se reunir em breve com com a RedeMob para analisar a proposta. Quanto a interdição dos terminais onde passam linhas do Eixo Anhanguera, a RedeMob vai apresentar mais estudos e conversas com a Metrobus.

Terminais de interrogação: Goiânia e Região Metropolitana
Terminal Cruzeiro
Terminal Vila Brasilia
Terminal Araguaia
Terminal Veiga Jardim
Terminal Garavelo
Terminal Maranata
Terminal Bandeiras
Terminal Parque Oeste
Terminal Isidora
Terminal Goiânia Viva
Terminal Vera Cruz
Terminal Recanto do Bosque
Terminal Nerópolis
Terminal Senador Canedo
Terminal Padre Pelágio
Terminal DERGO
Terminal Praça “A”Terminal Bíblia
Terminal Novo Mundo
Terminal Trindade
Terminal Goianira

Thyélen Lorruama diari onlooine

GO.RádioVitória#radiovitoriafm#radioemaparecida#radiogoiania#radionotiacias#radiodeaparecidadegoiania#adilsonpereira
#coronavirusgoias
#esportegoias
#musicasertaneja
#fiqueemcasa                                 #policiacivil
#policiamilitar
#prefeituradeaparecidadegoiania
#prefeituradeaparecida                     ...
Voltar


Tenha também o seu site. É grátis!