Menu


VITÓRIA 87FM

Marido e sobrinho são presos suspeitos de matar mulher por ciúmes em Vicentinópolis; vídeo mostra crime....

02 NOV 2018
02 de Novembro de 2018
mostra crime
Segundo polícia, marido da vítima chamou parente para cometer crime. Imagens mostram quando mulher, de 38 anos, tenta fugir correndo, mas é alvejada nas costas e na cabeça.Câmeras de segurança registraram o momento em que uma mulher é morta a tiros enquanto corria por uma calçada, em Vicentinópolis, região sul de Goiás. Valdiandrea D’arc de Almeida, de 38 anos, foi atingida por três tiros disparos. Segundo a Polícia Civil. o marido dela, Ronaldo Cabral Franco, de 43, e o sobrinho dele, Carlos Humberto da Silva Filho, de 19, são os homens que aparecem nas imagens (veja vídeo) e teriam cometido o crime por ciúmes. Eles foram presos nesta quinta-feira (1º).

No depoimento formal, ambos preferiram ficar em silêncio. Porém, conforme o delegado Patrick Carniel, responsável pelo caso, Ronaldo disse, informalmente, que matou a mulher por ciúmes devido a uma suposta traição. Eles estavam juntos havia nove anos.

O delegado destacou ainda que um advogado ligou na delegacia se dizendo representante dos dois. Porém, ele não soube informar o nome do profissional.

O crime foi cometido no último dia 27 de outubro, por volta de 9h. As imagens mostram quando o carro de Valdiandrea parado na rua quando ela começa a correr.

"Os dois suspeitos a perseguiram em outro carro, ela tentou fugir, mas foi fechada. Depois, ela desceu e tentou fugir correndo a pé, mas novamente foi perseguida", disse o delegado ao G1.
Crueldade
Na sequência do vídeo, é possível ver a vítima correndo pela calçada quando é atingida por um tiro nas costas - disparado a poucos metros de distância - e cai no chão.

Segundo a polícia, o disparo foi feito por Carlos Humberto. O jovem, que está de roupa toda preta, ameaça correr, mas para, e volta com a arma em punho. Ele aponta para a cabeça da vítima, mas a arma está sem munição. "Antes de acertá-la, ele descarregou o tambor, acertando um tiro nela. Os outros pegaram no muro", explica Carniel.

O suspeito então recarrega a arma. Nesse momento, Ronaldo, de camiseta azul, também aparece na imagem. Ele pega algo no chão enquanto o sobrinho aponta a arma, mas não consegue atirar.

Ronaldo, então segura a mulher pelo braço, e Carlos Humberto dispara contra seu rosto. Antes de fugirem, ele atira mais uma vez, também na cabeça. A vítima morreu na hora.

Reincidência
Os dois foram presos em Goiatuba, também na região sul. O delegado explicou que todos moram em Joviânia, a 24 km de Vicentinópolis. No dia do ocorrido, a mulher foi até a cidade para resolver assuntos particulares.

Carniel revelou ainda que Valdiandrea já havia registrado uma ocorrência contra o marido por ameaça, no ano passado.

Os dois suspeitos foram recolhidos para o Presídio de Pontalina. Eles serão indiciados pelo crime de feminicídio e, se condenados, podem pegar uma pena que varia entre 12 e 30 anos.
Por Sílvio Túlio, G1 GO
....
Voltar


Tenha também o seu site. É grátis!