Menu


VITÓRIA 87FM

Suspeito de filmar jovem nua com drone volta a negar gravação e retorna aos EUA...

13 MAR 2018
13 de Março de 2018
Moradores de prédio, em Goiânia, denunciaram crime. Segundo Polícia Civil, homem deixou senhas do aparelho, que será periciado.motorista Pedro Rogério da Silva, de 32 anos, suspeito de usar um drone para filmar moradores de um prédio e até uma jovem nua, voltou a negar o ato em depoimento à Polícia Civil, em Goiânia. A corporação informou que o homem, que havia sido detido e liberado após as denúncias dos condôminos, deixou as senhas dos aparelhos para que possa ser feita a perícia nos equipamentos. Segundo a defesa dele, o investigado retornou, nesta terça-feira (13), aos Estados Unidos da América (EUA), onde mora.

"Estava sobrevoando nas proximidades da residência fazendo imagens de teste, em dado momento passou nas proximidades de uma janela e, de relance, percebi que havia uma moça nua, nem cheguei a focar a imagem e já afastei do local. Não realizava imagens, apenas a visualização do ambiente", disse o suspeito em depoimento.O caso ocorreu na noite de sábado (10). Incomodados ao verem o drone sobrevoando próximo ao edifício, moradores acionaram a Guarda Civil Metropolitana (GCM), que foi ao local e levou o motorista para a delegacia.

Advogado do suspeito, Alysson Dimitry D'Cesari Pereira ressaltou que o cliente não teve a intenção de invadir a privacidade de ninguém. "O drone não estava gravando, ele estava apenas acompanhando as imagens, mas não capturando. É como se fosse um treinamento. O drone não estava direcionado para ninguém", disse ao G1.


Responsável pelo caso, o delegado Manoel Borges já pediu a perícia do drone e do tablet apreendidos. Ele quer saber se há imagem que demostre invasão de privacidade caracterizada como nudez, se existem outras imagens com cunho criminoso e se há edição das imagens encontradas nos aparelhos.
.....
Voltar


Tenha você também a sua rádio